Fone de Contato

(51) 3322.5405

Blog

home → Facebook para empresas – Dicas sobre como fazer e não fazer

facebook-para-empresas

Facebook para empresas – Dicas sobre como fazer e não fazer

Olá Galera!!!

Segue o material do vídeo que fiz falando sobre facebook para empresas, onde eu falo algumas dicas do que fazer e não fazer no facebook.

 

Vamos as dicas:

Não planejar

Segundo os especialistas, o primeiro erro é entrar nas redes sociais sem o mínimo planejamento. Muitas empresas pequenas tem a tendência de alguém dentro da empresa fazer esse trabalho de rede social e na maioria das vezes essa pessoa não faz isso com deveria, não gera o conteúdo certo para ter um bom resultado, ou por falta de tempo ou falta de conhecimento. Então faça um plano de marketing antes de entrar no facebook.

Confundir perfil com página

Isso é um erro bastante frequente entre as empresas de pequeno porte. Onde criam um perfil e não uma página para a empresa. A diferença básica é que os perfis são voltados para pessoas e as páginas (fanpage) têm características especiais para negócios. “Muitas empresas quando entram no Facebook criam perfis, que têm limitações de aplicativos e seguidores”. Ou seja faça uma página e não um perfil.

Só anunciar promoções

Um ponto crucial na atuação no Facebook é conteúdo. Para criar um relacionamento, os especialistas concordam que informação relevante é essencial. Conteúdo tem que ser relevante para o consumidor. Foto ou vídeo geram mais empatia. Se for lúdico, rendem mais likes e compartilhamentos. Assim vai gerar mais engajamento e ter um resultado melhor. É claro , tu vai fazer propaganda, mas entre uma postagem e outra vai fazendo tua propaganda de forma singela.

Não se preocupar com a aparência

Apesar do modelo padrão de página, o Facebook permite personalizações, como a foto de capa, que fica no topo. Falta de padrão visual é um erro. Procure manter a identidade visual de sua página igual ao do website da sua empresa.

Não responder rapidamente

Como um canal de comunicação com a empresa, o Facebook se torna inevitavelmente um local de comentários e reclamações. A diferença entre a rede social e um SAC é o tempo de resposta esperado pelo cliente.

Tem que ser bastante rápido na solução de problemas, porque rapidamente uma mensagem mal respondida pode se espalhar e milhares de pessoas visualizarem. O imediatismo na resposta, pelo menos com um posicionamento inicial, é importante.

Desrespeitar os clientes

A maior parte dos empresários não ofenderia pessoalmente um cliente porque ele reclamou de um produto. O mesmo deveria valer para a internet. Tudo nas redes sociais se multiplica com muita velocidade e algumas empresas já puderam sentir a reação dos usuários quando destratam ou ofendem um consumidor. “Não discuta com o usuário e lembre que ele tem sempre razão”

O melhor procedimento para o caso de reclamações na página é pedir desculpas pelo erro, propor uma solução e esclarecer publicamente o que aconteceu. Não delete a mensagem ou tente discutir o assunto na própria página.

Abandonar a página

Outro problema é criar a página e deixá-la desatualizada. “Se tem presença na rede, deve mantê-la ativa e viva. Muitas empresas simplesmente criam o canal com a configuração inicial e depois abandonam. Para manter esse canal eficiente, é importante desenvolver conteúdo e promoção”.

 

 

Bem agora já sabem o que não fazer.

Imagino que só só com essas dicas já farão uma página da forma correta, mas ainda tem dicas que considero importante para melhor ainda mais seu marketing no facebook .

Preencha todas as informações sobre a empresa na página.

Antes de tudo, a página tem de ser útil para quem quer te encontrar. Ou seja, não esqueça de telefone, site, email e endereço. Se houver expediente definido, coloque também.

Nem tudo o que é postado é visto.

Um algoritmo matemático chamado EdgeRank determina a relevância das publicações para cada pessoa que curte uma página.

Quanto mais você aparece, maior a chance de ganhar fãs engajados.

Poste com regularidade e criatividade. Quando seus fãs atuais curtirem uma postagem, essa ação aparecerá no ticker de quem o tem como amigo.

Use boas imagens e vídeos para chamar a atenção.

Com a timeline, as imagens ganharam destaque e ficaram maiores. Quando o usuário passa os olhos pelo feed de notícias, as fotos são avistadas facilmente. Vídeos funcionam da mesma forma.

Links também possuem peso.

O EdgeRank julga ser alto o nível de interação quando uma postagem tem uma ligação externa. Mas use links completos. O Facebook dá mais peso a links “inteiros” do que a links encurtados por serviços como bit.ly, goo.gl e tinyurl.com.

Publique manualmente.

A rede social tende a ignorar posts provenientes de aplicativos que funcionam com o RSS.

Dê prioridade a certos dias e horários para postar.

Os horários de pico são às 11h, às 15h e às 20h. O dia em que os usuários mais interagem é quarta-feira, seguido de terça e quinta. O período com menos atividade é domingo, das 14 às 18h.

Construa enquetes e perguntas na página.

O Facebook dá destaque a enquetes construídas pela rede social e as perguntas fazem os usuários se manifestarem, contribuindo para o sucesso do post.

Interaja com usuários e grupos.

Responda a questões feitas na página, publique em grupos que podem se interessar pelo serviço que você oferece.

Divulgue a página em todos os outros meios possíveis.

Promova a página no seu site, por email, Twitter, newsletters. Faça com que ela seja vista e as pessoas saibam do que se trata.

post Relacionados

  • facebook-para-empresas

    Facebook para empresas – Dicas sobre como fazer e não fazer

    Olá Galera!!! Segue o material do vídeo que fiz falando sobre facebook para empresas, onde eu falo algumas dicas do que fazer e não fazer no facebook.   Vamos as dicas: Não planejar Segundo os especialistas, o primeiro erro é entrar nas redes sociais sem o mínimo planejamento. Muitas empresas pequenas tem a tendência de

    preview preview